Conheça o caminho do vinho!

Conheça o caminho do vinho!

Curitiba tem muita coisa para fazer e nós podemos provar hehe E não é só na cidade em si que as coisas acontecem, mas também nas regiões próximas. São opções de turismo de aventura, turismo urbano e também rural, como é o caso dessa dica que iremos te contar hoje. Você vai se surpreender, temos certeza!

Nós do Motter Home Hostel fomos até São José dos Pinhais, município próximo á Curitiba onde se encontra o aeroporto internacional, para conhecer o Caminho do Vinho. O local ainda é pouco conhecido, mas está despontando para o turismo e apresenta muitos roteiros interessantes que podem ser feitos num bate e volta.

Peguem suas taças e venham com a gente nessa aventura rural 🙂

Como chegar

O caminho é aquele com características bem rurais mesmo, estrada de terra, muito verde, pastos, plantações e vinícolas ao longo do caminho. Então, para percorrer a rota as principais opções são: a Linha Turismo, de carro particular ou de carro com guia.

Linha Turismo: Essa é a opção mais completa para quem quer conhecer todos os detalhes da rota acompanhado por um guia e da maneira mais turística possível. O ônibus é esse da foto logo acima, roxinho e rústico. Nele você poderá desfrutar de 5 horas de passeio com 8 paradas para conhecer vinícolas, fazer degustações e também levar para casa aqueles produtos coloniais que todo mundo ama (queijos, vinhos, geleias, sucos e muito mais?).Porém, fique atento pois esse passeio é oferecido apenas nos finais de semana e feriados.

Carro particular: Nós optamos por esse meio de locomoção, pois queríamos mais liberdade para andarmos e ficar mais tempo em algum lugar que gostassemos mais. Alugamos o carro por uma diária em uma agência da Localiza próxima ao hostel. Fizemos todos os passeios e depois devolvemos o carro. Para quem quer mais liberdade no deslocamento essa é uma opção que recomendamos.

Carro particular + Guia: Você pode optar pelo aluguel de um carro e contratar um guia para acompanhar no deslocamento. Essa também é uma opção super agradável, pois ao mesmo tempo que existe a liberdade para locomoção ainda é possível ouvir a histórias dos lugares, curiosidades e detalhes que sozinho você não conheceria 🙂

Onde comer

Logo no início da rota já aparecem muitas opções de restaurantes para almoço e também cafés coloniais com diversas opções artesanais. Nós preferimos ir até o final da rota e escolher aquele que nos agradava mais. Paramos nesse da foto acima com uma decoração fofíssimaaaa de guarda-chuvas e que foi uma ótima opção.

Valor: Pagamos R$54,00 por um buffet livre com várias opções de produtos coloniais e sobremesas deliciosas preparadas por eles. Você pode aproveitar para tomar um vinho local e escolher pela taça ou dividir uma garrafa com os amigos.

O que fazer

As propriedades do Caminho do Vinho estão se preparando cada vez mais para receber os turistas. Esse restaurante que fomos, por exemplo, tinha pedalinho para alugar, uma trilha para que o pessoal pudesse fazer, área de descanso e um trenzinho todo animado que levava o pessoal de um jeito mais divertido para dar um passeio.

Produtos coloniais

Os produtos coloniais oferecidos ao longo do caminho têm uma cara melhor do que a outra e os sabores então, melhores ainda! São queijos, doces, uvas, vinhos, salames e muuuuuuito mais. É de apreciar com os olhos e com a barriga hehehe 

E ai, gostou de mais essa dica? Então #vempromotter que temos essas e outras dicas exclusivas para você! Se hospedar aqui é diferente 😉

Deixe uma resposta